brb

Paradas de ônibus: 525 estruturas serão construídas e 650 reformadas

DF MOBILIDADE

Em fase de licitação, as obras devem começar no segundo semestre deste ano em várias cidades do DF 

Moradores do Distrito Federal terão paradas de ônibus novas e reformadas. Uma licitação divulgada este mês prevê a construção de 525 estruturas e reforma de 650. Segundo a Secretaria de Transporte e Mobilidade (Semob), as obras devem começar no segundo semestre deste ano. 
Na semana passada, uma parada na quadra 504, em Samambaia Sul, teve que ser interditada, após um carro atingir e quebrar um pilar da estrutura. Por medida de segurança, o abrigo foi retirado do local e também será recolocado em breve. De acordo com o subsecretaria de Terminais da Semob, Luiz Antônio Ehret, os abrigos levam cerca de 10 dias de trabalho. 
“A estrutura já vem praticamente pronta, mas tem o piso tátil, calçada, meio-fio, impermeabilização e pintura”, explica o subsecretário. Ele ressalta que a colocação ou a reforma das paradas de ônibus depende da demanda das regiões, que geralmente vêm da administrações regionais. Cada uma custa, em média, R$ 17 mil. 
Abrigos entregues 
Entre março e maio deste ano, 30 abrigos de ônibus foram entregues à população. As regiões contempladas foram Brazlândia, Fercal, Samambaia, Recanto das Emas, Riacho Fundo II, Santa Maria, São Sebastião e Sobradinho. Cada estrutura teve o custo de R$ 15.700 aos cofres públicos da capital. 
Atualmente, a Semob está finalizando as obras de mais 23 paradas de ônibus no Distrito Federal. Os abrigos de concreto do tipo C estão sendo instalados em Taguatinga, Gama e Ceilândia. A previsão de entrega das obras é para este mês. As novas estruturas estão incluídas em contrato realizado no segundo semestre de 2019 para a construção de 91 abrigos, dos quais 68 já foram concluídos e 23 estão sendo finalizados.
Fonte: Agência Brasília

Postar um comentário

0 Comentários