IPVA II

FED AUXILIARÁ BRASIL COM U$ 60 BILHÕES PARA ENFRENTAR COVID-19

FOTO- INTERNET- DFMOBILIDADE

Estratégia do Banco Central dos EUA é fazer com que vários países acessem recursos para reoxigenar a economia mundial


Buscando reduzir os impactos econômicos provocados pelo novo coronavírus, o Banco Central dos EUA (Federal Reserve – FED), anunciou uma linha de swap (ação em que os americanos recebem outras moedas como garantia de troca de dólares) de US$60 bilhões para o Brasil. Na prática, a colaboração americana implicará em um reforço nas reservas internacionais do Brasil, que estavam em cerca de US$353 bilhões na última terça-feira (17). 

A estratégia do Banco Central Americano é fazer com que os países consigam acessar esses recursos para auxiliar nos gastos relacionados ao coronavírus, ao mesmo tempo em que conseguem oxigenar a economia e reduzir os danos da crise econômica mundial. 

O Brasil é o único país da América do Sul contemplado com a nova ação do FED, que também oferecerá linha de swap para outros países, como:

- Austrália 

- Coreia do Sul

- Dinamarca

- México

- Noruega

- Nova Zelândia

- Singapura

- Suécia

O Banco Central do Brasil ainda não manifestou opinião sobre a oferta do BC dos EUA. (bsm)

Postar um comentário

0 Comentários