BRB

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA INDICA SANCIONAR O FUNDO ELEITORAL


FOTO: DFMOBILIDADE

O presidente Jair Bolsonaro sinalizou nesta quinta-feira (2) que deve sancionar o Fundo Eleitoral aprovado pelo Congresso Nacional.

A explicação da problemática ocorreu nesta quinta-feira (02) na primeira live em sua conta no Facebook.

“O veto ou a sanção é uma obediência à lei. Se você for ler o Artigo 85 da Constituição, [vai ver que] se não respeitar a lei, estou em curso de crime de responsabilidade. O que posso dizer é isso. A conclusão agora é de vocês. Porque é o seguinte: tem de preparar a opinião pública. Caso contrário, vocês [da mídia] me massacram; arrebentam comigo”, disse Bolsonaro ao deixar o Palácio do Alvorada, a caminho do Planalto.

O artigo citado por Bolsonaro enumera quais atos do presidente podem ser classificados como crimes de responsabilidade, ao atentar contra a Constituição. Entre eles estão os atos contra a Lei Orçamentária e contra o livre exercício do Poder Legislativo, do Poder Judiciário, do Ministério Público e dos Poderes constitucionais das unidades da Federação.

O chefe do Executivo disse que é preciso preparar a opinião pública para a decisão que será tomada e chamou a atenção para o que está previsto na Constituição – em especial no Artigo 85, que aponta os atos presidenciais que podem ser classificados como crime de responsabilidade.

Postar um comentário

0 Comentários