BRB

O STF JULGA NESTA QUINTA-FEIRA (17) A PRISÃO APÓS CONDENAÇÃO EM SEGUNDA INSTÂNCIA

foto:divulgação
A chance de interromper o julgamento será através de um pedido de vistas ao processo do ministro Roberto Barroso .


O STF julgará nesta quinta-feira a prisão após condenação em segunda instância

O presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Dias Toffoli, decidiu colocar em julgamento nesta quinta-feira (17) as três ações que discutem a possibilidade de prisão após condenação em segunda instância. O desfecho do caso pode, em tese, beneficiar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), preso em Curitiba desde abril de 2018.... 

Mais de 85 mil condenados podem ser beneficiados, inclusive Lula, José Dirceu e vários condenados da Lava Jato.

A chance de interromper o julgamento será através de um pedido de vistas ao processo do ministro Roberto Barroso .

RESUMO DA NOTÍCIA

  • Presidente do Supremo Tribunal Federal coloca em julgamento para quinta-feira três ações que discutem prisão após condenação em segunda instância
  • Desfecho do caso pode, em tese, beneficiar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), preso em Curitiba desde abril de 2018
  • Serão julgadas as ações apresentadas pela OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) e pelos partidos PCdoB e Patriota
  • Resultado do julgamento pode representar uma derrota para a Operação Lava Jato

Serão julgadas as ações apresentadas pela OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) e pelos partidos PCdoB e Patriota. As ações questionam as decisões do STF que têm permitido o início do cumprimento da pena de prisão após a condenação do réu ser confirmada por um tribunal de segunda instância.

Postar um comentário

0 Comentários