EM NOTA G1 'NÃO' PEDE DESCULPA AO GAROTO

foto:internet


Neste sábado (7), o perfil do portal de notícias da Globo no Facebook confirmou que fez um comentário ofensivo contra Ivo César Gonzales, criança de 9 anos que participou de desfile do 7 de setembro ao lado do presidente Jair Bolsonaro, no Rolls-Royce.

“Moleque imbecil, vai se alfabetizar”, dizia comentário do G1 na próprio post com entrevista da criança, que declarou que este foi “o melhor desfile de todos”.

O conteúdo foi apagado minutos depois, mas já tinha sido ‘printado’ por centenas de internautas. O portal frisou que uso foi indevido e anunciou investigação.

Extrema-imprensa


Após a nota oficial do G1, o DFMobilidade , lamenta o ocorrido e reafirmamos que a atitude do grupo Globo é inaceitável repudiando ações de agressões e até mesmo falta de educação dos que comandam as redes sociais de empresa  G1.

O portal da Globo classificou de ‘postagem indevida’, na verdade mostra o quanto a imprensa brasileira está aparelhada e transforma uma ação irresponsável num evento político partidário destrutivo e irreversível na educação de crianças..

O portal  G1: em nota, não fez nenhum pedido de desculpas para a criança, que foi chamada de ‘imbecil’ agravando ainda mais o problema expondo a bagunça que virou a empresa. O repúdio é somente ao uso indevido da conta? Isso foi máximo que o grupo Globo conseguiu fazer após ofender uma criança?  Temos aí caso típico imprensa  aparelhada.

Além de  a imprensa ignorar o gesto do presidente Bolsonaro em convidar a criança para estar no carro-oficial. Efetuou o mais repugnante dos comportamentos atacar os indefesos. atacar uma criança.


 “a população precisa entender que por trás dessas grandes redações de jornais, não atuam jornalistas, mas sim militantes marxistas disfarçados que usam seus diplomas para alienar massas e manter o povo na ignorância.”
Davy Albuquerque do Conexão Política

Postar um comentário

0 Comentários