REELEIÇÃO DE PÁBIO MOSSORÓ EM VALPARAISO-GO É QUASE CERTA

Foto:internet

Ao ter herdado uma prefeitura com um rombo de quase R$ 50 milhões legados pelo PT, Pábio Mossoró (PSDB) correu atrás do prejuízo. Mesmo com as dificuldades, em pouco tempo conseguiu implementar a Guarda Municipal, uma das principais promessas de campanha.
No primeiro ano de mandato, o prefeito de Valparaíso de Goiás já era lembrado pelos moradores como melhor gestor em comparação com a sua antecessora, a petista Lucimar Nascimento.
Pábio enfrenta o pior cenário que um prefeito de Valparaíso já encarou, com uma dívida milionária e cobranças radicais da oposição, como se todos os problemas deixados pelo PT pudessem ser resolvidos em um passe de mágica.
Quatro anos é pouco. Sabendo disso, o prefeito sonha com a reeleição e recebe apoios importantes, como o do MDB no mês passado. Além disso, a falta de um adversário consistente pavimenta ainda mais o sonho do tucano de permanecer mais quatro anos à frente da cidade.
Governar um município com uma dívida estratosférica, que cresce a todo vapor, tendo sido prejudicado por promessas de campanha não cumpridas pela gestão anterior, não é pra qualquer um.
Valparaíso não tem tradição em reeleger prefeitos, mas dessa vez a história pode ser diferente.

Postar um comentário

0 Comentários