CONSULADO DOS ESTADOS UNIDOS NEGA VISTO AOS FILHOS DE GLEEN GREENWALD

FOTO: INTERNET

O militante Glenn Greenwald, fundador do site The Intercept Brasil ainda não foi atendido no pedido de ‘autorização emergencial’ que fez ao Consulado dos Estados Unidos para que seus filhos supostamente visitem a avó que está com câncer terminal; a informação é da colunista social Mônica Bergamo da Folha de São Paulo. A colunista social relata que os documentos foram levados à representação americana na manhã de segunda (22) pelo deputado David Miranda (PSOL-RJ), marido de Glenn, mas na hora combinada para receber o visto, o deputado teve uma surpresa: foi informado de que seriam necessárias informações adicionais para a aprovação do visto. E que não havia mais data para que eles fossem entregues. “Provavelmente houve uma ordem de cima para que isso ocorresse. É uma crueldade com as crianças e com a mãe do Glenn”, diz o parlamentar que hoje ocupa o lugar de Jean Wyllys na câmara dos deputados. Os americanos – pelo visto – não acreditaram na estória contada por Glenn.

Fonte: República de Curitiba

Postar um comentário

0 Comentários