GDF BATE RECORDE DE PRODUÇÃO DE ASFALTO EM JANEIRO

DFMOBILIDADE

O Governo do Distrito Federal bateu o recorde de produção de massa asfáltica referente ao mês de janeiro. Até esta quarta-feira (30/1), a fábrica da Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap) produziu 5.298,98 mil toneladas, marca superior à registrada nos anos anteriores. Os números passaram a ser contabilizados pela empresa em 2010.

Se comparado com janeiro de 2018, o dado ultrapassa em mais de mil toneladas as 3.918,16 produzidas há um ano. Levando em conta o mesmo mês nos anos de 2011 e 2015, data de início dos governos eleitos em 2010 e 2014, respectivamente, o início de 2019 foi mais promissor: 5.298,98 mil toneladas contra 2.369,65, em 2011, e 144,88, em 2015.

Os serviços feitos pela Novacap a partir da produção de asfalto são de pavimentação e tapa buracos. As Regiões Administrativas que receberam maior quantidade de reparos foram Taguatinga e Guará. Ao todo, nove RAs foram contempladas.

“Para nós da Novacap, apesar de todas as dificuldades, é um feito importante alcançar esta marca. Ela representa o esforço coletivo dos servidores da companhia em atender ao chamado do governador Ibaneis Rocha e também às necessidades da população, que tanto sofre com os buracos, congregando vários órgãos em uma só engrenagem para melhorar o Distrito Federal. 

Bater o recorde de produção de asfalto em tão pouco tempo incentiva a Novacap a buscar outros marcos de eficiência”, comemora o diretor-presidente Daclimar Castro.

Um dos principais trabalhos foi feito no Setor Policial Sul. No local, o asfalto estava bastante danificado, com ondulações. No setor foi feita a recuperação funcional, que consiste na retirada e substituição da malha asfáltica.

Para tornar possível a realização desse serviço, a Novacap conta com vinte e um funcionários trabalhando na fábrica. A produção diária pode variar entre 100 e 500 toneladas.

Parceria


O serviço de recuperação do asfalto também é feito pelo Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER). O órgão possui cinco distritos rodoviários, situados nas cidades de Planaltina (1º Distrito Rodoviário), Sobradinho (2º DR), Samambaia (3º DR), Paranoá (4º DR) e Brazlândia (5º DR), responsáveis pelo monitoramento rotineiro da malha viária do todo o DF.

“Estamos atuando juntos no programa de restauração através da operação SOS DF. Acredito que este é um grande diferencial para que o trabalho seja bem-sucedido”, avalia Fauzi Nacfur Junior, diretor-geral do DER.

Ao detectar a necessidade de intervenção, ou seja, problemas no pavimento, as equipes entram com ações de recuperação, por meio da operação tapa buracos.

Dentro da operação SOS DF, medida adotada pelo governador Ibaneis Rocha desde 2 de janeiro, o DER contabilizou uma produção recorde de 1 mil toneladas de massa asfáltica. O trabalho é feito em parceria com a Novacap, coordenado pela Secretaria de Obras.

Postar um comentário

1 Comentários

  1. Bate recorde porque a cada ano que passa tem que refazer o serviço que é de má qualidade junto com do material que é de terceira.
    Nunca vi BSB tão mal cuidada e esburacada,e sempre haverá uma desculpa do poder público que não admite sua incompetência pois senão seria como em países sérios que vc o asfalto perfeito e por vários anos.

    ResponderExcluir